Escanteio SP
Facebook Escanteio SPTwitter Escanteio SPInstagram Escanteio SP
Blog do Torcedor » XV de Piracicaba

As maldições das penalidades

XV foi eliminado da Copa do Brasil e deixou escapar R$ 1,5 milhão

Fabio Pesaresi Publicado em 29/02/2020, às 11h17

O XV foi eliminado para o Juventude nos pênaltis
O XV foi eliminado para o Juventude nos pênaltis - Foto: Michel Lambstein/ECXV

No mundo do futebol, não existe um clube mais azarado que o XV de Piracicaba. Seja por tomar gol nos acréscimos de partidas importantes ou por perder classificações e acessos nas disputas de pênaltis. Muitos falam de incompetência, eu já acredito na falta de sorte. Um time incompetente não consegue jogar tantas partidas decisivas como o Alvinegro vem jogando nos últimos anos.

Na última quarta-feira, no duelo contra o Juventude pela segunda fase da Copa do Brasil, não foi diferente. Jogando no Barão da Serra Negra, sua casa, o Nhô Quim deixou escapar a classificação para a terceira fase da competição nacional.

Mais que continuar vivo em uma competição tão importante como a Copa Do Brasil, o XV de Piracicaba deixou escapar R$ 1,5 milhão, premiação dada pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol) aos clubes que avançarem à terceira fase. Trazendo para a realidade piracicabana, com uma folha salarial que gira em torno de R$ 250 mil, o clube estaria com as contas de meio ano pagas, o que seria muito importante na busca pelo acesso à primeira divisão estadual e no título da Copa Paulista, que resultaria na volta ao Campeonato Brasileiro Série D.

Porém, é preciso levar em consideração dois aspectos importantes dessa desclassificação: o primeiro é a quantidade de chances criadas no primeiro tempo, que poderia mudar totalmente o rumo da história. Se quiser buscar o acesso, vai precisar calibrar um pouco mais a pontaria.

O segundo aspecto é o fator mental. Deixando de lado se o juiz foi ou não rigoroso demais na expulsão do Erison, o XV vem sofrendo com expulsões em 2020. Jogou com um a menos nas vitórias contra o Red Bull, Londrina e agora na derrota diante do Juventude. É algo que o Tarcísio Pugliese terá que trabalhar para os jogos importantes que estão por vir.

Falando em Pugliese, o treinador terá uma missão dura para motivar esse elenco que deixou escapar a classificação, porém o clube precisa virar a página rapidamente, já que tem confronto importante contra o Sertãozinho, novamente em Piracicaba, na busca pela consolidação no G-4 do Campeonato Paulista da Série A2. Vamos esperar para ver, em campo, qual será a resposta do Nhô Quim.


Formado em Jornalismo pela Universidade Metodista de Piracicaba, Fabio Pesaresi acompanhe o XV de Piracicaba desde 2008. Em 2014 virou setorista do clube, quando foi convidado para ser co-autor do livro "XV 100 Anos Destemido e Valente".