Escanteio SP
Facebook Escanteio SPTwitter Escanteio SPInstagram Escanteio SP

Capivariano vence o Comercial de virada e cola no G8 da Série A3

Bafo sai na frente, mas Leão vira com golaço e pênalti polêmico

Redação Publicado em 07/05/2021, às 23h48

Neto Costa marcou os dois gols do Capivariano
Neto Costa marcou os dois gols do Capivariano - Foto: Paulistão Play

Em duelo de tempos distintos, o Capivariano venceu o Comercial, de virada, por 2 a 1 na noite desta sexta-feira, no Benitão, em Rio Claro. A partida válida pela 8ª rodada da Série A3 do Campeonato Paulista teve o Bafo saindo na frente na primeira etapa, e o Leão buscando a virada no segundo tempo. 

Com mais um triunfo, o Capivariano sobe ainda mais na tabela, chegando a 10 pontos, na 9ª colocação, e se coloca na briga pelo G8. Já o Comercial, com a segunda derrota em sequência, estaciona nos 9 pontos e cai para a o 11º lugar.

Bafo sai na frente

A primeira etapa foi de muitas disputas no meio de campo e poucas oportunidades claras para as duas equipes. Quando colocou a bola no chão e achou espaços para construir as jogadas, o Comercial melhorou no jogo e chegou ao gol. Aos 17 minutos, após boa jogada coletiva, Rafael Tanque recebeu cruzamento dentro da área, girou em cima do marcador e bateu firme para abrir o placar.

Com o resultado parcial, o Bafo recuou as suas linhas, e quem teve mais a bola foi o Capivariano. Entretanto, o Leão não conseguiu levar perigo e teve as suas melhores chances apenas em jogadas de bola parada. Sem sucesso nos ataques, a equipe desceu para o vestiário em desvantagem no placar.

Capivariano busca a virada na etapa final

No segundo tempo, após as alterações promovidas pelos treinadores, o Capivariano ficou melhor na partida, e passou a levar cada vez mais perigo. Depois de tanto insistir, o Leão chegou ao empate com um golaço de Neto Costa. A zaga do Comercial afastou mal a bola após cobrança de escanteio, e o camisa 9 pegou a sobra e mandou uma meia bicicleta para igualar o marcador aos 18 minutos.

E o gol empolgou a equipe, que foi para cima e virou a partida em jogada polêmica, aos 26 minutos. Após cobrança de escanteio, o goleiro Max Muralha, do Comercial, agarrou a bola e, na pressa para sair jogando, deixou o braço no rosto do adversário. O árbitro viu e assinalou penalidade máxima, sob muitos protestos dos jogadores do Bafo. Na cobrança, Neto Costa bateu firme para colocar o Capivariano em vantagem.

Com a mudança no placar, alterou-se também a postura das duas equipes. O Comercial passou a partir ao ataque na busca pelo empate a todo custo. Foram minutos de muita pressão do Bafo na reta final, mas a equipe de Ribeirão Preto não conseguiu acertar as finalizações, e quem levou a melhor ao fim da partida foi o Capivariano.

O que vem pela frente

A Série A3 volta a ser disputada no período da tarde a partir de segunda-feira, quando rola a bola para a 9ª rodada. Às 15h, o Capivariano atua como mandante contra o lanterna Penapolense, no Ernesto Rocco, em Porto Feliz. Já o Comercial volta ao Palma Travassos, em Ribeirão Preto, onde recebe o Desportivo Brasil, às 17h.