Escanteio SP
Facebook Escanteio SPTwitter Escanteio SPInstagram Escanteio SP

Com folha de R$ 700 mil e 71 atletas, Nairo diz que custos mensais do São Caetano ultrapassam R$ 1 milhão

De volta ao comando do clube, presidente disse que São Caetano 'deve para todo mundo'

Redação Publicado em 22/10/2020, às 15h43

São Caetano vive uma crise financeira
São Caetano vive uma crise financeira - Foto: Fabrício Cortinove/São Caetano

Com quatro meses de salários atrasados, o São Caetano vive um momento financeiro complicado e os jogadores cogitaram não entrar em campo na derrota contra o Joinville na última quarta-feira. Nairo Ferreira, presidente do São Caetano, retornou ao comando do clube na semana passada e falou sobre os custos altos do elenco.

Em entrevista à TV+ ABC, Nairo revelou que o São Caetano tem mais de 71 atletas inscritos. Com um elenco desse porte, a folha salarial chega a R$ 700 mil e os custos mensais para tocar o clube podem ultrapassar R$ 1 milhão

“Todos estão treinando? Não sei. O elenco do São Caetano hoje tem 71 atletas inscritos, todos profissionais, inclusive jogadores que estouraram a idade da base e estão à disposição do departamento de futebol profissional”, disse.

“Hoje a folha de pagamento do São Caetano está na casa de R$ 700 mil por mês. É um clube que estava na segunda divisão. O orçamento do São Caetano é de R$ 1,5 milhão por mês para fazer futebol. Ninguém vai fazer futebol no São Caetano por menos que R$ 1 milhão ou R 1,2 milhão por mês. O orçamento do São Caetano é altíssimo. Essa é a despesa do São Caetano. Se não colocar o pé no chão e começar a se organizar, é isso que acontece”, completou.

Acompanhe o Escanteio SP no InstagramFacebook e Twitter

Nairo Ferreira ainda foi categórico para falar sobre as dívidas do São Caetano. O presidente do Azulão não revelou exatamente o valor total, mas afirmou que o clube deve para ‘todo mundo’.

“O São Caetano hoje é uma concha de retalho. Ele deve na padaria, no mercado, no posto de gasolina, deve óleo diesel dos ônibus... Deve tudo. Se você pegar hoje o passivo do São Caetano vai ver isso. Essa é situação do clube hoje”, declarou.

Prestes a ter novos investidores, conforme revelou o próprio Nairo, o São Caetano espera uma ajuda financeira para quitar os salários atrasados. O clube tem suas contas bloqueadas e sequer recebeu a premiação do título da Série A2. As quantias vindas das negociações de Nonato, Cuadrado e Matheus Henrique também não chegaram ao time devido ao bloqueio. Isso acontece por conta de dívidas trabalhistas e empréstimos que não foram pagos.