Escanteio SP
Facebook Escanteio SPTwitter Escanteio SPInstagram Escanteio SP

Com time equilibrado, Escanteio SP monta seleção da rodada da Copa Paulista

Oito times tiveram representantes na equipe ideal da quarta rodada da competição

Lorenzo Meyer, Enrico Liberatori, Guilherme Medeiros, Gabriel Ambrós, Felipe Leite e Nicola Ferreira Publicado em 21/11/2020, às 19h00

Guarani foi o único time a vencer com dois gols de vantagem
Guarani foi o único time a vencer com dois gols de vantagem - Foto: Thomaz Marostegan/Guarani FC

A primeira rodada do returno da fase inicial da Copa Paulista foi marcada por partidas acirradas, tanto é que apenas o Guarani venceu por dois gols de diferença, além de que três jogos terminaram sem gols. Deste modo, o Escanteio SP decidiu montar a seleção da rodada prezando pelo equilíbrio os entre os times. Ao todo, oito equipes tiveram representantes no time ideal.

Veja a seleção escolhida pela equipe do Escanteio SP: Tom (Ferroviária); Danrley (Comercial), Robson (Água Santa), Brumati (Portuguesa Santista), Rhuan (Água Santa); Daniel Bonassa (Primavera), Caio (Guarani) e Guilherme Garré (XV de Piracicaba); Bruno Paulo (Guarani), Rodriguinho (Portuguesa Santista) e Thiaguinho (Rio Preto). Treinador: Raul Cabral (Primavera).

Entenda por que o Escanteio SP escolheu cada jogador

Tom (Ferroviária): Mesmo jogando em casa, a Ferroviária foi dominada pelo Atibaia em vários momentos. A Locomotiva só não saiu derrotada porque o arqueiro fez ao menos três ótimas defesas na partida.

Danrley (Comercial): Com dificuldades para criar pelo chão, o Bafo aproveitou a bola parada do lateral-direto para chegar aos dois gols na vitória sobre o Velo Clube. 

Robson (Água Santa): Enfrentando o melhor ataque da competição, o zagueiro ex-Juventus fez uma boa partida e ajudou o Netuno a garantir pelo menos um empate diante da Portuguesa.

Robson fez ótima partida pelo Água Santa - Foto: Michael Sanches / Água Santa

 

Brumati (Portuguesa Santista): Teve atuação impecável diante do Juventus. No primeiro tempo, com o gramado ainda em condições de jogo, venceu com sobras o duelo particular com Wilson. Na etapa final, com o gramado alagado, interceptou praticamente todos os lançamentos no lado direito da defesa.

Brumati brecou o ataque do Juventus - Foto: Ale Vianna/C.A.Juventus

 

Rhuan (Água Santa): Destaque do Água Santa na competição, o lateral-esquerdo teve uma boa atuação e ajudou a brecar o poderoso ataque da Portuguesa no empate sem gols.

Daniel Bonassa (Primavera): Além de proteger a retaguarda do Fantasma da Ituana, o volante ainda marcou o gol que garantiu o triunfo sobre o Audax, o primeiro da equipe na competição.

Guilherme Garré (XV de Piracicaba): participou dos dois gols da vitória por 2 a 1 sobre a Inter de Limeira, marcando o primeiro em cobrança de falta perfeita e dando assistência para o segundo, marcado por Tito.

Guilherme Garré comandou o triunfo do XV de Piracicaba

 

Caio (Guarani): Motorzinho do Bugre, o jogador, que tem vínculo de jogador amador com o clube, deu o ritmo de intenso ao meio-de-campo do time de campineiro na vitória sobre o Nacional. Além disso, ainda marcou um gol.

Thiaguinho (Rio Preto): Aos 20 anos, o meia-atacante tem aparecido como principal nome do Jacaré na Copa Paulista. No triunfo diante do Marília, ele marcou um gol e ajudou o time a conquistar a primeira vitória na competição.

Bruno Paulo (Guarani): Rebaixado do time principal, o atacante ex-Corinthians e Palmeiras comandou a primeira vitória do Bugre na Copa Paulista. Diante do Nacional, o atacante fez três gols.

Rodriguinho (Portuguesa Santista): Marcou o gol da vitória da Portuguesa Santista contra o Juventus apesar do campo encharcado em Ulrico Mursa. Ele, inclusive, teve experiência para usar a condição do gramado a seu favor, finalizando depois que a bola parou numa poça na pequena área.

Rodriguinho marcou o gol do triunfo da Briosa - Foto: Ale Vianna/C.A.Juventus

 

Raul Cabral (Primavera): Nas duas partidas diante do Audax, o Fantasma da Ituana mostrou uma evolução muito grande. No último duelo, o time comandado por Raul Cabral teve uma ótima jornada defensiva e conseguiu vencer a boa equipe de Osasco, conquistando a primeira vitória na competição.