Escanteio SP
Facebook Escanteio SPTwitter Escanteio SPInstagram Escanteio SP

Com domínio de classificados, Escanteio SP define seleção da 15ª rodada da Série A2

Dos 12 escolhidos, incluindo o treinador, apenas dois não vão disputar o mata-mata

Redação Publicado em 31/08/2020, às 15h05

O São Caetano teve dois atletas na seleção do Escanteio SP
O São Caetano teve dois atletas na seleção do Escanteio SP - Foto: Leonardo Lima/ADSC

Com a definição dos rebaixados e dos classificados, o Campeonato Paulista da Série A2 teve a primeira fase encerrada no último domingo. Dando preferência aos times que estarão nas quartas de final, o Escanteio SP montou a seleção da 15ª rodada da competição.

Veja a seleção escolhida pela equipe do Escanteio SP: André Dias (Juventus); Alex Reinaldo (São Caetano), Felipe Gregório (Portuguesa), Ferreira (São Bernardo) e Samuel Balbino (XV de Piracicaba); João Marcos (Votuporanguense), Anderson Rosa (São Caetano) e Paraíba (Atibaia); Lucas Douglas (Portuguesa), Bambam (São Bento) e Caio Mancha (XV de Piracicaba). Técnico: Edson Vieira (São Bento).

Arte: Escanteio SP

 

Por que o Escanteio SP escolheu cada jogador?

André Dias (Juventus) – Ao lado de Bruno Xavier, o goleiro tem figurado como destaque do Moleque Travesso no pós-pandemia. No empate contra o Atibaia, André Dias fez ótimas intervenções e garantiu pelo menos um ponto para o time da Mooca.

Alex Reinaldo (São Caetano) – O lateral-direito, que voltou melhor ainda nas bolas paradas depois da paralisação da pandemia, já virou figurinha carimbada na seleção do Escanteio SP. Alex Reinaldo deu uma assistência e fez um gol de pênalti no triunfo do São Caetano sobre o Audax no Anacleto Campanella.

Alex Reinaldo é um dos destaques da Série A2 no pós-pandemia

 

Felipe Gregório (Portuguesa) – Sem Bruno Maia e Willian Magrão, titulares da defesa da Portuguesa, o zagueiro, contratado durante a pausa da pandemia, fez sua estreia, teve uma ótima atuação na vitória sobre o Red Bull Brasil e manteve a defesa rubro-verde intacta por mais uma rodada. Já são cinco jogos sem sofrer gols, o que corresponde a mais de 450 minutos.

Ferreira (São Bernardo) – Com Guilherme Mattis contundido e Leandro Amaro no banco de reservas, Ferreira foi o pilar defensivo do Bernô no triunfo sobre o Taubaté. Em ótima atuação, o zagueiro ajudou sua equipe a não sofrer gols pela primeira vez após a paralisação.

Ferreira foi titular do Bernô diante do Burro - Bruno Castilho / EC Taubaté

 

Samuel Balbino (XV de Piracicaba) – Após um primeiro tempo de pouca produção ofensiva, Evaristo Piza decidiu tirar o zagueiro Paulão, improvisado na lateral esquerda, e colocar Samuel Balbino. Na segunda etapa, o lateral de ofício deu a assistência para o gol de Caio Mancha, segurou o ataque do Penapolense e contribuiu para a classificação do XV de Piracicaba.

João Marcos (Votuporanguense) – Um pouco mais recuado do que costuma atuar, João Marcos teve participação importante no quase ‘milagre’ conquistado pelo Votuporanguense. Diante da Portuguesa Santista, o meio-campista marcou um lindo gol, mas não conseguiu evitar o descenso do CAV, rebaixado no número de gols marcados.

Anderson Rosa (São Caetano) – De volta ao São Caetano após cumprir suspensão diante do Votuporanguense, o meio-campista cadenciou o ritmo da partida e ajudou o Azulão a segurar a vitória construída diante do Audax no primeiro tempo.

Anderson Rosa (à esq.) foi um dos destaques do Azulão - Foto: Leonardo Lima/São Caetano

 

Paraíba (Atibaia) – Mesmo sem ambições na competição, o Falcão teve uma boa exibição contra o Juventus, e muito por conta da atuação de Paraíba. O meia esteve bastante ativo, fez sua melhor aparição desde que retornou ao clube e garantiu a igualdade com um belo gol.

Lucas Douglas (Portuguesa) – Mais uma vez o atacante foi decisivo. Diante do Red Bull Brasil, Lucas Douglas mostrou faro de gol e fez o único tento do quarto triunfo consecutivo da Lusa na Série A2.

Lucas Douglas (à esq.) marcou mais um gol da Lusa - Foto: Dorival Rosa/Portuguesa

 

Bambam (São Bento) – O atacante precisou de apenas 45 minutos em campo para entrar na seleção do Escanteio SP. Após entrar no intervalo, Bambam decretou a vitória do Bentão com uma linda cobrança de falta.

Caio Mancha (XV de Piracicaba) – Substituto de Macena, suspenso, o centroavante teve participação decisiva na vitória do Nhô Quim sobre o Penapolense. Ele marcou o gol da virada, que garantiu o XV de Piracicaba na próxima fase da Série A2.

Caio Mancha marcou o gol da classificação do XV - Foto: Michel Lambstein/XV de Piracicaba

 

Edson Vieira (São Bento) – A manutenção da confiança do clube de Sorocaba na Série A2 em meio às derrotas seguidas na Série C passa pelo treinador. Diante do Monte Azul, Edson Vieira escalou um time misto, mas saiu com o sétimo triunfo seguido no estadual.

Entre para os grupos do Escanteio SP no Whatsapp!