Escanteio SP
Facebook Escanteio SPTwitter Escanteio SPInstagram Escanteio SP

Escanteio SP monta seleção da última rodada da primeira fase da Série A3

Sete equipes tiveram representantes no time ideal da rodada

Lorenzo Meyer, Felipe Leite, Guilherme Medeiros, Nicola Ferreira, Enrico Liberatori e Gabriel Ambrós Publicado em 12/10/2020, às 15h00

Cachorrão venceu mais uma
Cachorrão venceu mais uma - Foto: João Romoli/EC São Bernardo

A última rodada do Campeonato Paulista da Série A3 foi marcada por partidas acirradas, tanto é que apenas Marília e EC São Bernardo venceram por dois gols de diferença. Deste modo, o Escanteio SP decidiu montar sua seleção com representantes de vários times, mas uma espinha dorsal formada pelo Cachorrão, que conseguiu o resultado mais elástico.

Veja a seleção escolhida pela equipe do Escanteio SP: Maurício (EC São Bernardo); Ricardinho (Nacional), Leonardo Gobo (Velo Clube), Guilherme Teixeira (Noroeste) e Eliandro (EC São Bernardo); Guilherme Lobo (Nacional), Guilherme Madruga (Desportivo Brasil) e Lucas Gomes (EC São Bernardo); Felipinho (Velo Clube), Tito (Marília) e Biro Paraíba (Comercial). Treinador: Renato Peixe (EC São Bernardo).

Por que o Escanteio SP escolheu cada jogador?

Maurício (EC São Bernardo): Apesar da vitória por 3 a 0, construída toda na segunda etapa, o Cachorrão teve muitas dificuldades diante do Capivariano no primeiro tempo. E só não saiu perdendo por conta de Maurício. Aos 43 anos, o goleiro mostrou reflexo de um garoto e fez ao menos três defesas providenciais para salvar o EC São Bernardo.

Ricardinho (Nacional): Na partida que garantiu a vaga na fase final, o Nacional atacou o Primavera principalmente pelos lados, com destaque para Ricardinho. O lateral-esquerdo deu assistência para o primeiro gol da partida, marcado por Guilherme Lobo no primeiro tempo.

Leonardo Gobo (Velo Clube): Dono da terceira melhor defesa da Série A3, o Galo Vermelho fez uma boa partida defensivamente e conseguiu neutralizar o sistema ofensivo do que Paulista, que estava desesperado em busca da vitória. Destaque da equipe, Leonardo Gobo fez mais um jogo de boa participação.

Guilherme Teixeira (Noroeste): Enfrentando um Grêmio Osasco desesperado, o Noroeste teve uma boa jornada defensiva para sair sem ser vazado e garantir mais uma vitória. Desta vez, o zagueiro não brilhou no ataque, mas fez seu papel na defesa e ajudou o Norusca.

Eliandro (EC São Bernardo): Titular pela primeira vez desde a retomada da Série A3, o lateral-esquerdo teve participação fundamental no triunfo do Cachorrão. Bem no apoio, Eliandro marcou um belo gol e deu uma assistência.

Eliandro fez ótima partda - Foto: João Romoli/EC São Bernardo

 

Guilherme Madruga (Desportivo Brasil): Seguro na marcação, o volante neutralizou várias tramas do Olímpia. De quebra, se aventurou no ataque e em chute de média distância marcou o único gol da triundo do DB.

Guilherme Lobo (Nacional): Marcou os dois gols da vitória por 2 a 1 sobre o Primavera, que colocou o time no mata-mata, em jogadas semelhantes: entrando na área e recebendo cruzamentos. Melhor partida do camisa 10 na Série A3.

Guilherme Lobo fez dois gols - Foto: Bruno Ulivieri/ Nacional AC

 

Lucas Gomes (EC São Bernardo): Mais um que foi titular do EC São Bernardo pela primeira vez após a retomada da Série A3, o meio-campista teve papel fundamental ao aparecer como principal armador do Cachorrão. Lucas Gomes ainda marcou o gol que abriu o caminho para o triunfo do time do ABC contra o Capivariano.

Felipinho (Velo Clube): Muito ativo, o atacante infernizou a defesa do Paulista e protagonizou os principais lances de perigo do Galo Vermelho na partida. Nos instantes finais, teve frieza para converter pênalti e garantir a vitória dos mandantes.

Biro Paraíba (Comercial): Melhor jogador do Comercial na retomada da Série A3, Biro Paraíba marcou mais um contra o Batatais e chega a três gols em três jogos desde a 12ª rodada (ele foi poupado contra o Olímpia). O gol contra o Batatais, inclusive, deixa Biro Paraíba empatado na artilharia da equipe.

Biro Paraíba marcou mais uma vez - Foto: Rafael Alves/Comercial FC

 

Tito (Marília): Com poucas chances de rebaixamento e nenhuma de classificação, o Marília foi para cima do Barretos buscando conseguir a melhor posição possível para jogar a Copa Paulista. Tito figurou como principal nome ofensivo do MAC, tanto é que marcou o primeiro gol da equipe, ajudando na vitória e no objetivo do time.

Renato Peixe (EC São Bernardo): O Cachorrão aproveitou a última rodada para dar minutos a alguns jogadores e, mesmo assim, mostrou uma consistência invejável. Jogando um futebol de alto nível, principalmente no segundo tempo, o time de Renato Peixe venceu a boa equipe do Capivariano e assegurou a vice-liderança.

Renato Peixe é um dos melhores técnicos da A3 - Foto: João Romoli/EC São Bernardo