Escanteio SP
Facebook Escanteio SPTwitter Escanteio SPInstagram Escanteio SP

Melhores jogadores da Copa Paulista: posições 30 a 21

Em votação interna, Escanteio SP elegeu os 50 melhores jogadores inscritos ou anunciados para a Copa Paulista

Redação Publicado em 10/09/2021, às 10h00

Ex-Palmeiras, o zagueiro Maurício Ramos vai defender o XV de Piracicaba na Copa Paulista
Ex-Palmeiras, o zagueiro Maurício Ramos vai defender o XV de Piracicaba na Copa Paulista - Foto: Divulgação/EC XV

Às vésperas da Copa Paulista, o Escanteio SP escolheu, em votação interna, os 50 melhores jogadores dentre todos os inscritos ou anunciados pelos 17 clubes. A lista será divulgada durante cinco dias, com 10 posições por vez.

O ranking está fechado a partir da data da primeira publicação. Dessa forma, a lista será mantida indepentende de contratações ou saídas nos clubes.Veja o cronograma das posições:

30: Maurício Ramos – zagueiro, XV de Piracicaba

Foto: Divulgação/EC XV


Outro atleta de muita experiência que aparece no ranking é Maurício Ramos. O zagueiro do XV de Piracicaba é mais um jogador de muita história e rodagem pelo futebol brasileiro, com passagens por equipes como Palmeiras e Coritiba, e que agora vai disputar a Copa Paulista. Defensor de boa leitura e de muita força física, aos 36 anos, ele é uma das referências do elenco do Nhô Quim. Pode sentir o ritmo em jogos de maior intensidade, mas sua liderança e experiência podem ajudar bastante a equipe. – Guilherme Goya

29: Paraíba – meia, XV de Piracicaba

Foto: Divulgação/EC XV


Maior ídolo da breve história do Atibaia, Paraíba chegou ao XV de Piracicaba no início da preparação para a Copa Paulista. Além da velocidade e do drible, o meia pode agregar boa qualidade de passe e finalização de fora da área, qualidades que o Nhô Quim não conseguiu repor à altura desde a saída de Daniel Costa em 2020. – Enrico Liberatori

28: Judson – meia, São Bento

Foto: Divulgação/EC São Bento


Habilidoso meia, Judson continua vivendo um bom momento na sua carreira. Depois de uma A2 de alto nível com o Velo Clube, ele retornou ao São Bento, onde teve uma boa fase. Na equipe de Sorocaba, o atleta, assim como todo o resto do elenco, teve dificuldades na Série D do Campeonato Brasileiro. Mesmo nessa fase complicada, Judson é um dos jogadores da Copa Paulista com a maior capacidade de armar as jogadas e colocar os atacantes na cara do gol. – Nicola Ferreira

27: Dudu Hatamoto – meia, Botafogo

Foto: Agência Botafogo


Principal revelação do Botafogo nos últimos anos, o jovem Dudu Hatamoto é a grande esperança técnica da equipe de Ribeirão Preto. Rápido e muito habilidoso, precisa evoluir nas finalizações. Entretanto, o principal problema do jogador de 18 anos são as constantes lesões – a última o afastou por quase cinco meses (o primeiro jogo desde que se machucou foi no dia 4 de setembro). Quando saudável, é um jogador diferenciado e pode ser o grande destaque desta Copa Paulista. – Nicola Ferreira

26: Tauã – volante, Portuguesa

Foto: Divulgação/Portuguesa


Depois de ser um dos destaques do Água Santa na Série A2, Tauã foi contratado pela Portuguesa para a disputa da Série D e da Copa Paulista. Por conta da forte concorrência no setor, o volante ainda não conseguiu se firmar como titular, mas é mais um jogador de bom potencial da Lusa. Com poder de marcação e capacidade para ajudar no momento ofensivo, Tauã é um jogador de muita segurança para o setor de meio de campo. – Guilherme Goya

25: Danilo Pereira – meia, Portuguesa

Foto: Divulgação/Portuguesa


O meia já mostrava há duas temporadas no Atibaia que tem ótima qualidade técnica, mas precisava melhorar na hora de tomar decisões. Na Portuguesa, Danilo Pereira teve uma grande evolução, tanto é que foi titular sete vezes na Série D e marcou quatro gols. Aos poucos, virou uma das peças mais importantes da equipe de Fernando Marchiori e caiu nas graças da torcida. – Lorenzo Meyer

24: Alê – volante, Atibaia

Foto: Ale Vianna/CA Juventus


Alê será um dos líderes de um atibaia que ficou mais jovem desde o final da Série A2. Além da experiência de um título de Libertadores e Mundial pelo São Paulo, o veterano tem bola para contribuir em campo, sendo referência na função de primeiro-volante nas divisões menores do Campeonato Paulista nos últimos anos. – Enrico Liberatori

23: Hélder – zagueiro, São Bernardo FC

Foto: Gabriel Goto/São Bernardo FC


O zagueiro foi um dos pilares da grande campanha do Água Santa na Série A2, que teve como ponto forte justamente a defesa. Hélder está tão em alta que renovou com o clube de Diadema para a Série A1 do ano que vem, mas precisou ser emprestado porque o Netuno optou por não disputar a Copa Paulista. Chega com status de titular ao São Bernardo. – Lorenzo Meyer

22: Caio Vieira – atacante, Comercial

Foto: Rafael Alves/Comercial FC


Um dos destaques da boa campanha do Velo Clube na Série A2 do Campeonato Paulista, o atacante Caio Vieira é um ponta com capacidade de atuar também pelo meio. Excelente finalizador, consegue balançar as redes tanto dentro da área quanto chutando de longe. Outra característica de destaque de Caio é a sua movimentação, tendo facilidade para infiltrar na área e se movimentar dentro da mesma, o que possibilita ele marcar muitos gols de rebote. Na primeira passagem pelo Bafo, o jogador marcou nove gols em 16 jogos. – Nicola Ferreira

21: Robson – zagueiro, XV de Piracicaba

Foto: Divulgação/EC XV


De volta ao futebol paulista após boa passagem pelo Pouso Alegre-MG, Robson tenta repetir o desempenho que teve com Juventus e Água Santa nas últimas temporadas. Assim como o XV de Piracicaba, o zagueiro tenta dar um passo adiante na Copa Paulista após chegar à segunda fase com o Moleque Travesso em 2018 e 2019 e cair nas quartas de final em 2020, nos pênaltis, pelo Netuno. – Enrico Liberatori