Escanteio SP
Facebook Escanteio SPTwitter Escanteio SPInstagram Escanteio SP

Portuguesa perde duelo direto com o Red Bull Brasil no Canindé e sai do G8 da A2

Lusa pressionou, perdeu muitas chances a acabou derrotada por 1 a 0; RB sobe na tabela

Redação Publicado em 09/05/2021, às 22h33

None
- Foto: Dorival Rosa/Portuguesa

A Portuguesa pressionou, pressionou, mas acabou perdendo para o Red Bull Brasil hoje (9) por 1 a 0, no Canindé, em duelo válido pela 13ª e antepenúltima rodada da Série A2 do Campeonato Paulista. O resultado tirou a Lusa do G8 e aumentou as chances de classificação do RB.

Apesar do volume, das chances perdidas e das polêmicas no lado da Portuguesa, foram os visitantes que marcaram o único gol do jogo, com Luciano aproveitando erro defensivo no 1º tempo.

Com o resultado, a Portuguesa estacionou nos 16 pontos na 9ª colocação. A equipe tem a mesma marca do Velo Clube, último time do G8, mas fica atrás pelo número de vitórias: quatro contra três.

Já o Red Bull Brasil chegou aos 18 pontos e subiu na tabela, chegando ao 7º lugar. Por conta do vínculo com o Red Bull Bragantino, o time não pode subir de divisão, mas pode disputar o mata-mata.

1º tempo polêmico

Não faltou emoção no 1º tempo no Canindé. Logo no primeiro minuto, polêmica: Misael invadiu a área e sofreu o contato do goleiro Fabrício, mas o árbitro não marcou pênalti. Pouco tempo depois, aos 13, Misael bateu de dentro da área, Jhonatan rebateu, o atacante partiu para cima mais uma vez e caiu após contato do defensor, causando nova reclamação de pênalti.

Além das polêmicas, a Lusa pressionou e ameaçou a área do Red Bull várias vezes, quase sempre errando o último passe.

Encolhido no jogo e apostando nos contra-ataques, o RB Brasil chegou ao gol aproveitando falha dos donos da casa. Aos 25, Thomazella espalmou muito mal cruzamento vindo da esquerda, a bola caiu no pé de Teles, que rolou para Luciano chapar firme e abrir o placar.

Os visitantes quase ampliaram aos 34 minutos. Teles brilhou mais uma vez e fez belo passe eme profundidade para Ramires ficar cara a cara com Thomazella, mas o atacante errou a batida e colocou para fora.

Com mais volume de jogo, a Lusa seguiu tentando e teve mais uma boa chance já nos acréscimos. Maykinho recebeu dentro da área pela esquerda e cruzou rasteiro para Ermínio, que não conseguiu acertar em cheio a bola e desperdiçou lance embaixo da trave.

2º tempo

Precisando da virada, a Portuguesa voltou do intervalo pressionando. Logo aos dois minutos, Lucas Douglas cruzou da ponta direita, a bola atravessou a área e chegou em Misael.  O atacante bateu mascado, mas forçou grande defesa de Fabrício.

Aos 22 minutos, Raphael Toledo encontrou belo passe e deixou Caio Mancha na cara do gol, o atacante tocou na saída do goleiro, mas a bola passou ao lado da trave.

Os visitantes responderam aos 36; Alemão errou na saída de bola, Ramires aproveitou e bateu, tirando tinta da trave. No minuto seguinte, Raphael Toledo cruzou falta na área e encontrou Caio Mancha, que desviou com perigo e quase empatou.

Nos minutos finais, mais chances preciosas perdidas pela Portuguesa. Aos 43 minutos, a Lusa teve falta na entrada da área; no rebote da cobrança, a bola sobrou para Douglas Dias dentro da área, que bateu firme para defesa fantástica do goleiro Fabrício.

No último lance, Raphael Luz jogou na área, Fernando Lombardi deixou de letra para Douglas Dias, que pegou de primeira, firme, e estufou as redes. Era o dramático gol de empate da Lusa, mas a arbitragem marcou impedimento. No fim, 1 a 0 para o Red Bull Brasil no Canindé.

Últimas rodadas

Pelas últimas duas rodadas da fase classificatória, a Portuguesa visita o vice-lanterna EC São Bernardo na próxima quarta-feira (12), às 15h, e recebe o também ameaçado Audax no sábado. Já o Red Bull Brasil recebe o Água Santa na quarta-feira, às 17h, e visita o Monte Azul no sábado. Todas as partidas da 15ª rodada acontecerão de forma simultânea, às 15h.