Escanteio SP
Facebook Escanteio SPTwitter Escanteio SPInstagram Escanteio SP

Velo Clube: informações, possível escalação e pelo que deve brigar na Copa Paulista

De técnico novato no futebol paulista no comando, Galo Vermelho vai para a competição estadual sem grandes pretensões

Redação Publicado em 10/09/2021, às 13h40

Ex-Paraná, Maurílio Silva será o treinador do Velo Clube na Copa Paulista
Ex-Paraná, Maurílio Silva será o treinador do Velo Clube na Copa Paulista - Foto: Divulgação/Paraná Clube

Campeão da Série A3 do Campeonato Paulista em 2020 e com boa campanha feita na segunda prateleira estadual neste ano, a apenas um ponto de uma classificação para o mata-mata, o Velo Clube vai para a disputa da Copa Paulista sem grandes objetivos. 

A competição estadual se inicia na próxima terça-feira, dia 15. O Galo está no Grupo 1 da disputa, ao lado de Comercial, Botafogo e Votuporanguense. A estreia está marcada justamente para o dia 15, diante do Botafogo, no Benitão, a partir das 15 horas. 

Diferentemente do bom momento carregado pelas belas campanhas citadas anteriormente, o torneio do segundo semestre de 2021 não promete voos maiores para o Galo Vermelho. Em relação à última competição disputada, a principal mudança no clube da cidade de Rio Claro é no comando técnico.

Logo após o fim da Série A2, João Vallim deixou o cargo de técnico do Velo Clube e atualmente comanda o Fernandópolis, da Segunda Divisão do Campeonato Paulista. Para o lugar dele, a diretoria do Galo Vermelho acertou a vinda de Maurílio Silva, ex-atacante do Palmeiras nos anos 90.

+ Apoie o Escanteio SP e receba indicações de apostas em competições do futebol paulista

Maurílio terá sua primeira experiência como treinador no futebol paulista. Anteriormente, dirigiu times como ASA, Juazeiro, Rio Branco-PR e, por último, Paraná Clube. Por lá, foi demitido em julho deste ano, após 22 jogos e seis vitórias.

Com relação à construção do elenco, a diretoria do Galo mescla novas contratações e manutenção de jogadores remanescentes da Série A2. Na provável escalação, no entanto - baseada em formações utilizadas pelo Velo em jogos-treino -, a prevalência é de atletas recém-chegados.

A chegada de, talvez, maior impacto no clube aconteceu justamente no último dia de inscrições para a primeira rodada da Copa Paulista: trata-se do experiente atacante Rodriguinho, campeão brasileiro pelo Fluminense e com passagem recente pela Portuguesa Santista.

Confira o elenco do Velo Clube:

  • Goleiros: Waldson (Paraná Clube), Railson (Itapipoca-CE) e Aurélio (remanescente)
  • Zagueiros: Helber (Globo-RN), Breno (Nacional-PB), Kaique (Monte Azul) e Jobert (Porto Velho-RO)
  • Laterais: Ailton (CSE-AL), Bruno Lauriano (sub-20), Elson (CTE Colatina) e Ynaiã (Murici-AL)
  • Volantes e meias: Índio (Paulo Vitor) (Votuporanguense), Danilo (categorias de base), Luiz Gustavo (Macaé-RJ), Niander (remanescente), Eurico (remanescente), Jeferson (Nacional-PB), Carlos Romero (General Díaz-PAR), Pedrinho (jogou no Velo Clube em 2019), Copetti (Nacional-PR) e Felipinho (remanescente)
  • Atacantes: Mateus Ramos (Macaé-RJ), Rodriguinho (Portuguesa Santista), Felipe Fumaça (Estrela do Norte-ES), Caio Vinícius (Porto Velho-RO) e Marcelo Maçola (sub-20)

Provável escalação: Railson (Waldson); Ynaiã, Jobert, Breno e Elson; Luiz Gustavo, Índio, Jeferson e Pedrinho (Copetti); Caio Vinícius (Rodriguinho) e Felipe Fumaça (Mateus)

Pelo que deve brigar:

Justamente pela troca recente de comando técnico e com um time ainda desentrosado, em cenário completamente diferente ao do primeiro semestre, a Copa Paulista tem tudo para ser um laboratório de testes para o Velo Clube, visando a disputa da Série A2 estadual no ano que vem. 

A projeção se fortalece devido aos demais clubes presentes no Grupo 1 da disputa. O Galo Vermelho deve travar uma briga equilibrada com Botafogo, Comercial e Votuporanguense.